Vídeos linkBMX

Página 4 de 11« Primeiro...23456...10...Último»

George , The English Guy

Pra quem não conhece o George, ele é um Inglês que está morando no Brasil já faz um tempinho.
Figura já manjada em Caracas e Continental, frequenta também as Terças-Feiras, a Radial Bike Park.
Os vídeos formam uma trilogia da construção dos Trails na cidade onde ele morava.
Não vá esperando muita ação não pois a pegada é mais pra mostrar o local e a beleza do Interior de Londres.
Ótimas edições feita pelo amigo Tom Camby. O último vídeo é o melhor pois mostra o espírito do BMX que é diversão e amizade.

Construction


 

Dirt Construction


 

The Field aka German Pete’s backyard


 

 

SBC | BMX

Semana passada fui duas vezes em São Bernardo, na Quinta e no encontro de Old e New school no Sábado.
Como corri o evento não pude fazer um vídeo completo mas peguei algumas imagens e montei com outras que havia filmado na Quinta.

Confesso que fiquei em dúvidas se a idéia de fazer um evento em duplas daria certo mas quebrei a cara pois foi muito louco já que tive o privilégio de andar com o Felipe e ele nem conhecia São Bernardo. Pra alguns isso seria um problema mas pra mim foi a melhor escolha pois foi bem mais divertido e sem pressão. Na verdade a idéia é essa mesmo, diversão sem pressão!!!

Foi bem louco trombar na pista com os outros competidores combinando suas linhas e treinando a sincronia delas de um jeito improvisado.

O felipe e eu. Foto Rui Ogawa

 

Na minha opnião essa foto foi uma das mais loucas. Diego Dantas voando alto num invert style por PEbmx.

 

As das antigas. Foto Rui Ogawa

 

A dupla vencedora, Du e Dantas. Os caras fizeram uma linha sincronizadíssima e levaram o primeiro lugar na competição de duplas. Foto Rui Ogawa

 

Negão num 36 bem executado no spine. Foto tirada de um frame do vídeo.

Roginho que veio do Sul pra prestigiar o campeonato mandando um decade na base. Foto tirada de um frame do vídeo.

Uma das coisas que me deixou muito feliz foi poder ter andando com o Negão e o Paulinho que eu nunca tinha visto andar ja que ele vem de uma contusão meio foda e mostrou que ainda ta na pegada.

No vídeo a seguir vocês podem conferir um pouco do que foi esses dois dias que passei em São Bernardo.


Caso queira saber mais sobre o evento veja essa matéria do Rui Ogawa na ESPN.

 

Doguete na Megarampa

Quinta-feira: Enquanto descansava no rolê da Radial eu, Drac, Overall, Kalunguinha e o Edu falávamos da possibilidade do Doguete ficar na frente de algum dos gringos. Naquele ponto já comemorávamos a altura do aéreo que ele havia dado na Quinta nos treinos.
Sábado: Presenciei um dos momentos mais emocionantes que vivi ao vivo no BMX. O Doguete vindo para a grade pra cumprimentar a galera já sabendo que havia ganho o campeonato. Isso mesmo, ele ganhou dos gringos, decolou mais alto alcançando os 6,20 m. Uma emoção tomou conta de todos que conhecem o garoto e acompanharam  sua trajetória até aqui. Confesso que chorei de emoção de vê-lo  sendo abraçado e jogado para alto pelos seus amigos de rolê e fans de todas as idades.
Definitivamente o Doguete é um showman, sabe dar espetáculo e soube com muita maturidade se comunicar com a platéia e jornalistas que se apertavam pra pegar uma imagem ou uma palavra.
Obrigado Doguete por esse Sábado inesquecível e que isso te ajude a conseguir um bom patrocínio pra te levar pra fora e mostrar seu rolê para o mundo.

Essa torcida pode ser considerada a número 1.

 

Um dos aéreos do Douglas  “Foguéte”

 

O amigo Helder emocionado com a vitória na final.

 

O sambódromo estava cheio e o público vibrou com a conquista do Brasil no BMX.

 

Bandeira do Brasil-il-il-il é de lei!!

 

Foi pra galera!!!

 

Juízes, entre eles o André da Dream.

 

Momento máximo da consagração, autógráfos ao lado dos ídolos. Foto por Renato Rocha

 

Nunca peguei autógrafo ou fiz foto com alguém famoso pois não curto isso, mas não resisti em ter uma com o Doguete. Essa foi especial. Foto por Renato Rocha

 

E para finalizar uma simples edição com o aéreo que lhe deu a vitória.


 

 

Faia Nossa #3

Mais um lote de manobras mal sucedidas mas que por sorte sem maiores gravidades. Dessa vez temos até presença de gringos.
Tenho notado certos habitués nesse tipo de vídeo. Borrachinha, Zóio, Tutano, Boa e Mike Moura sempre tão na fita.


 

Burning files

Separei algumas imagens perdidas aqui e fiz um coletivo. No video temos o Ori, o Canadense que ficou uns dias no rolê com a gente, o André Ribeiro e o Napa no spine da Dream, Tutano, Caveira, Juninho, Zóio e Enche Copo em Sm, um rápido take no spine do bombeiro e o Luis e o Tico na Imigrantes.
A música é do The Seedy Seeds – My Roots Go Down


 

Página 4 de 11« Primeiro...23456...10...Último»

Arquivos